Cash Advance o porquê de ser tão caro

O Cash Advance é simplesmente um empréstimo a curto prazo, ou seja, você utiliza o cartão de crédito para levantar dinheiro numa caixa multibanco como se de um cartão de débito se tratasse, mas com a diferença de não precisar ter dinheiro na conta e de lhe ser cobrada uma taxa com valores elevados.

A principal desvantagem do Cash Advance é o seu elevado custo, sendo o tipo de empréstimo com maiores custos disponível no mercado. A grande maioria das pessoas não faz ideia de como funciona o cash advance, quando recebe o extracto e se depara com a taxa cobrada fica em estado de choque.

Hipoteca em tempos de crise dicas de sucesso

Nos tempos de crise que vivemos actualmente torna-se cada vez mais difícil manter o pagamento das hipotecas, mas não é impossível, mesmo que a sua situação financeira seja bastante complicada, conseguir manter as suas hipotecas irá com certeza dar-lhe algumas vantagens quando a crise passar.

Alem disso quem desiste da sua hipoteca fica com poucas opções ao seu dispor tendo em conta a quantidade de pessoas que estão a desistir das suas. Portanto ao salvar a sua hipoteca ficará em posição de vantagem relativamente a todas essas pessoas.

Compradores compulsivos, manual da liberdade financeira

A grande maioria das compras desnecessárias que fazemos são compras impulsivas, mas será que você pode ser considerado um gastador impulsivo?Na sociedade que vivemos em que o consumismo é uma palavra que cada vez mais parece comum os compradores compulsivos abundam, são os motores das vendas, mas uma grande dor de cabeça para quem sofre do problema, mas será que você está incluído no grupo dos compradores compulsivos?

Não será apenas por ter comprado aqueles sapatos que viu na montra da loja quando saiu para comprar iogurtes que faz de si um comprador compulsivo, mas vale a pena responder às seguintes perguntas para se certificar que as suas decisões financeiras não são totalmente impulsivas, porque o seu futuro financeiro depende em grande parte à sua inteligência financeira.

Não será apenas por ter comprado aqueles sapatos que viu na montra da loja quando saiu para comprar iogurtes que faz de si um gastador impulsivo, mas vale a pena responder às seguintes perguntas para se certificar que as suas decisões financeiras não são totalmente impulsivas, porque o seu futuro financeiro depende em grande parte à sua inteligência financeira.